Cuidadores de idosos e de pessoas incapacitadas de exercer o auto cuidado

Nosso Contato 11 3253.5697 | 11 3253.4883

6 de abril de 2018

CUIDADOR DE PESSOAS

O que é um cuidador?

Um cuidador de idosos ou qualquer outro tipo de pessoa exerce fun√ß√Ķes de aux√≠lio para as pessoas que est√£o temporariamente incapazes de exercer o autocuidado. De forma geral, suas fun√ß√Ķes s√£o: ajudar nas atividades de vida di√°ria, administrar medicamentos por via oral prescritos pelo especialista, auxiliar na deambula√ß√£o e mobilidade, ajudar no banho, ter cuidados com a organiza√ß√£o do ambiente onde se encontra o paciente, propiciar o conforto f√≠sico e ps√≠quico, estimular o relacionamento e contato com a realidade, ajudar o paciente para participar de atividades recreativas e sociais, conferir sinais vitais, reconhecer sinais de altera√ß√£o (alerta), e prestar primeiros socorros em situa√ß√£o de urg√™ncia.

 

Qual o conhecimento necess√°rio?

Para ser um cuidador profissional √© necess√°rio ter algum curso da √°rea que tenha sido feito em uma institui√ß√£o reconhecida pelo Minist√©rio da Sa√ļde. O ideal √© um curso de no m√≠nimo 60 horas para se ter um conhecimento mais abrangente.

 

Quais as qualidades necess√°rias para ser um cuidador?

Al√©m do conhecimento na √°rea da sa√ļde, que √© um ponto muito importante, o cuidador tamb√©m deve ter algumas caracter√≠sticas espec√≠ficas para exercer com maestria a profiss√£o.

As características mais importantes são: ter amor pelo que faz e ter paciência.

Não basta ter somente o conhecimento teórico, é preciso saber lidar com os pacientes e ter paciência para acompanhar o ritmo necessário.

Al√©m disso, √© preciso ter muita responsabilidade, j√° que suas a√ß√Ķes refletem diretamente na vida da pessoa que est√° sendo cuidada.

O cuidador também deve ter: empatia, senso de organização, simpatia, sensibilidade e delicadeza para com o outro.

Quando se cuida do outro, √© muito f√°cil cair numa atitude ‚Äúprotetora‚ÄĚ e querer fazer tudo pela pessoa, ainda mais quando este √© da fam√≠lia, mas precisamos compreender que, a n√£o ser que a pessoa esteja passando por um transtorno cognitivo (Dist√ļrbio cerebral devido a um derrame cerebral, dem√™ncia ou outro problema de sa√ļde), ELE, mesmo debilitado e precisando de cuidados, precisa tomar as decis√Ķes sobre sua vida. A decis√£o continua sendo do paciente. Isto pode ser dif√≠cil para o cuidador, mas deve ter cuidado e estar alerta para n√£o cair na superprote√ß√£o.

Uma das necessidades humanas mais importantes é o respeito e a dignidade, essa necessidade não muda quando a pessoa adoece e fica incapacitada, de fato, esta poderia inclusive acentuar-se mais.

O cuidador não só precisa ter o conhecimento, mas também ter amor pela sua profissão, paciência, ter o dom, vontade de ajudar, elevar a autoestima, mostrar o lado bom da vida, ter respeito ao paciente, e um dos quesitos mais importantes, a responsabilidade.

O que não faz parte dos serviços prestados pelo cuidador?

N√£o realizar procedimentos invasivos, tais como aplica√ß√£o de inje√ß√Ķes, aspira√ß√Ķes, manipula√ß√£o de sonda, etc. O servi√ßo dom√©stico tamb√©m n√£o faz parte das obriga√ß√Ķes do cuidador.

Por que devo contratar um cuidador da Melhor Cuidar?

Os nossos profissionais passam por um rigoroso processo seletivo, além dos testes aplicados, solicitamos referências anteriores, e checamos toda a documentação. A vantagem de contratar pela Melhor Cuidar é: além de não criar vínculo empregatício com o cuidador, terá plena assistência por todo o atendimento, como: substituição do cuidador quantas vezes forem necessárias, controle de escalas, folgas, etc..

Lembrando que, a Melhor Cuidar se responsabiliza por todo processo laboral.

Cuidador de idosos

Faça um orçamento

Atendimento especializado e experiência em
residências, hospitais, clínicas e institutos de
longa permanência.

Solicite um Orçamento

Faça um orçamento

Trabalhe conosco

Quer fazer parte da
nossa equipe ?
Envie seu currículo para análise.

Envie seu Currículo

Envie seu currículo